Osteoartrite

Pequenas alterações na dieta aliviam sintomas de Osteoartrite

 

A osteoartrite é o tipo mais prevalente de artrite e a causa com uma maior evolução na incapacidade dos indivíduos a nível global. Mundialmente, cerca de 18% das mulheres e 9,6% dos homens com mais de 60 anos têm osteoartrite sintomática, sendo que um quarto destes indivíduos estão incapacitados de realizar as suas atividades diárias de rotina.


O diagnóstico desta patologia é confirmado por radiografia e os objetivos do tratamento são aliviar a dor, manter a flexibilidade articular e otimizar a função, sendo que os tratamentos disponíveis atualmente para esta doença são limitados.


Até 2050, estima-se que 130 milhões de pessoas sofrerão de osteoartrite!

É então de esperar que vários utentes da sua farmácia sofram desta patologia! Aconselhar suplementação aos seus doentes pode fazer a diferença!


Um novo estudo demonstrou que a suplementação na dieta de pacientes com osteoartrite com óleo de peixe pode ajudar a aliviar as dores oriundas desta patologia!  

Uma equipa de investigadores da Universidade de Surrey, Inglaterra, desenvolveu um trabalho sobre o impacto da suplementação em doentes com osteoartrite e propôs-se a estudar a associação entre a alimentação e uma autogestão eficaz da osteoartrite, tendo para o efeito analisado 68 estudos.


A equipa descobriu que a suplementação com uma dose baixa de óleo de peixe poderia fazer reduzir a dor nos pacientes com osteoartrite e melhorar a saúde cardiovascular dos mesmos. Os ácidos gordos essenciais, nomeadamente o ómega-3, presentes no óleo de peixe ajudam a reduzir a inflamação nas articulações, conduzindo a um alívio na dor.


osteo


Os autores referem ainda que os pacientes com excesso de peso poderiam aliviar os sintomas da osteoartrite com a perda de peso e a prática de exercício físico. Os investigadores explicaram que o excesso de peso exerce esforço suplementar sobre as articulações e causa inflamação sistémica, agravando o problema.


A adoção de um estilo de vida saudável pode ajudar a reduzir os níveis de colesterol no sangue, sendo que níveis elevados estão associados à osteoartrite.


Os investigadores apuraram ainda que o aumento do consumo da vitamina K, presente em alimentos como os espinafres e os brócolos, pode ser benéfico, uma vez que esta vitamina é necessária para a mineralização da cartilagem e do osso.


A combinação de uma dieta saudável e equilibrada, com ou sem suplementação, e a prática de exercício físico regular são então dois conselhos importantes que pode dar aos seus utentes para o alivio de sintomas de osteoartrite.


Fique atento às novidades… Mantenha-se EMFORMA!

 

 

 

Sally, T., Browne, H., Mobasheri, A., Rayman, M. (2018). What is the evidence for a role for diet and nutrition in osteoarthritis?, Rheumatology. 

Ao continuar a navegar na página web, o utilizador está a concordar expressamente com a colocação de cookies no seu computador que permitem medir estatísticas de visitas e melhorar a qualidade dos conteúdos oferecidos. Clique aqui para mais informações.